Qual combustível usar?

    Combustível: Gasolina comum, aditivada, V-Power Nitro+, Grid ou Podium: com qual gasolina aditivada vale a pena abastecer? Vale mais a pena usar a comum ou aditivada?

    Chaves na MãoPor : Chaves na Mão4 anos atrás

    Qual combustível usar

    A Petrobras lançou, recentemente, a gasolina aditivada Grid, enquanto a Raízen apresentou a V-Power Nitro+, duas novidades que enfrentam a conhecida Podium.

    Mas a grande questão é: com qual gasolina aditivada vale a pena abastecer?

    E vale mais a pena usar gasolina comum ou aditivada?

    Foto: Shutterstock

    A resposta é: depende.

    Primeiro é preciso diferenciar gasolina comum, a mais simples, da aditivada, que é uma gasolina comum com aditivos detergentes e dispersantes que mantém o sistema de alimentação mais limpos.

    No trânsito pesado, que exige bastante do motor em acelerar e desacelerar, a gasolina aditivada é melhor, mas na estrada com aceleração constante, não faz diferença e financeiramente compensa abastecer com a gasolina comum. Já a gasolina premium é do tipo aditivada, com maior octanagem – aproveitada por motores de alto desempenho.

    Feita a explicação conheça melhor cada gasolina e faça a escolha certa para o seu carro.

    Gasolina Comum

    Recebe os 25% de etanol e não tem aditivos. Para motores mais rodados em carros mais antigos, e sem compromisso com o desempenho, ela é mais em conta mas nem isso pode-se abastecer em qualquer posto.

    Vale a pena apostar em postos de bandeira conhecida, que são mais seguros.

    Gasolina V-Power Nitro+

    É uma nova versão da antiga V-Power, que contém mais agentes dispersantes e detergentes que atuam na redução do atrito gerado pelo movimento das peças no motor do carro.

    Segundo a Raízen, empresa que comercializa a marca Shell no Brasil, a nova gasolina tem 70% a mais redutores de atrito que a versão antiga.

    Ela é do tipo aditivada, e não há restrição quanto ao seu uso.

    Caso o veículo seja abastecido sempre com gasolina comum é preciso colocar a gasolina aditivada aos poucos, porque o poder de limpeza pode deslocar a sujeira acumulada e resultar em entupimento.

    Gasolina Grid

    É a nova gasolina aditivada da BR, que traz dispersantes e detergentes que ajudam a manter limpo o sistema de alimentação do carro.

    Também conta com um redutor de atrito que aumenta a lubrificação do motor e reduz o desgaste das peças.

    Além disso, de acordo com a BR ela tem teor de enxofre reduzido o que reduz a emissão de poluentes.

    Gasolina Podium

    Ela é do tipo “premium”, mais avançada que a gasolina aditivada e a comum. Ela tem octanagem de 95, enquanto a as demais tem 87, e teor de enxofre de 30ppm enquanto as demais tem 50ppm.

    Traduzindo, ela tem um desempenho bem superior às demais e custa mais caro, mas é especialmente recomendada para veículos de alto desempenho – taxa de compressão a partir de 10:1 – ou veículos antigos que ficam mais tempo parados, pois ela demora mais tempo para perder suas propriedades químicas.

    Nossa Avaliação

    No dia a dia vale a pena investir alguns centavos e apostar na gasolina aditivada que mantém o sistema do motor e alimentação mais limpos.

    Quem tem um modelo importado, esportivo ou antigo, também pode apostar na gasolina do tipo premium que mesmo sendo mais cara, aproveita o máximo de desempenho desses modelos, e compensa o investimento.

    Quem tem um carro novo e não deseja ter problemas com limpeza de bicos ou alterações no desempenho pode usar a gasolina aditivada sem medo mas quem tem um modelo usado pode “acostumar” aos poucos misturando as duas gasolinas sem problema.

    Vale lembrar que gasolina Grid e V-Power Nitro são equivalentes e do tipo aditivada enquanto a Podium é uma gasolina de maior octanagem.

    Por fim, o consumidor tem que ficar atento quanto à qualidade da gasolina, e tem o direito de exigir o teste de qualidade, que determina a quantidade de álcool na gasolina.

    A gasolina padrão deve ter 25% de etanol e o crime mais comum de adulteração é a maior quantidade de álcool presente na gasolina.

    Portanto, antes de decidir qual produto abastecer, é preciso não só fazer as contas mas analisar primeiro qual o tipo de combustível recomendado pelo fabricantes e qual é a gasolina certa para encher o tanque.

    Qual é a sua opinião sobre esse assunto?

    Confira em nosso site as melhores ofertas de carros usados à venda.