1.181

Salas comerciais à venda em Curitiba - PR

Salas comerciais à venda em Curitiba com ótimas localizações

Curitiba é considerada uma metrópole, com mais de 1,8 mil habitantes. A capital do Paraná conta com vários bairros com ótimas localizações, principalmente para quem está em busca de salas comerciais à venda em Curitiba.

Recebe também o título de cidade mal-humorada e que apresenta os quatro climas em um único dia. Isso sem contar o inverno gelado, que pode chegar a 0º. No entanto, viver e trabalhar na cidade pode ser uma experiência incrível, principalmente quando se está em um bairro próximo as regiões centrais e com vários serviços e facilidades nas proximidades. Batel, Bigorrilho, Centro e Água Verde são alguns dos exemplos que possuem ótima localização para uma sala comercial.

Para fechar negócio e selecionar entre as salas comerciais à venda em Curitiba é preciso conhecer mais sobre o bairro e os serviços que há nas proximidades. Cada região conta com suas facilidades de acesso. Assim é possível determinar se seu negócio estará bem localizado e será de fácil acesso tanto para clientes quanto para colaboradores. É interessante também conhecer o público-alvo que frequenta a região, assim sendo possível fazer uma escolha certeira. 

Ao escolher salas comerciais à venda em Curitiba no Centro, há a facilidade de estar próximo a tudo. Mercados, bancos, restaurantes, shoppings, estacionamentos e até mesmo o comércio se encontra por perto.

A localização central é interessante tanto para clientes quanto para funcionários, já que é fácil de se chegar ao local e pela possibilidade de se poder atender a várias classes sociais. Já no Batel, Bigorrilho e Água Verde a vantagem está no público que frequenta essas regiões, geralmente de classe A e B.

Os serviços na região são praticamente os mesmos encontrados no centro, com a diferença de serem focados em outro público-alvo. Além disso, os três bairros também se encontram próximo ao centro da cidade.

Qual a diferença entre prédio comercial e corporativo?

Prédios comerciais e corporativos têm um mesmo objetivo: O de oferecer um espaço para que o cliente possa interagir com uma empresa ao mesmo tempo em que os colaboradores possam ter um espaço para trabalhar. A grande diferença está em relação a exposição da marca da empresa.

Enquanto que no prédio comercial há apenas o uso de uma sala com uma pequena identificação, o prédio corporativo geralmente é todo de uma única empresa. Há também a opção de se apostar no andar corporativo, que geralmente é semelhante ao prédio comercial, com a diferença de que um andar inteiro é destinado a uma organização, contendo sua identificação logo ao deixar o elevador. Vamos explicar um pouco mais sobre essa diferença:

Prédios Corporativos

Os prédios corporativos costumam ser utilizados por empresas médias e grandes, que têm tendência a crescer cada vez mais e mantém em salas separadas cada setor.

A principal ideia do desse tipo de imóvel é ter um contato mais privado e direto com o cliente, tendo por exemplo uma sala de reuniões ou um espaço em que ele terá contato apenas com quem realmente pode lhe ajudar. 

No entanto, prédios corporativos também dão mais gastos, já que toda a manutenção predial é responsabilidade de uma única empresa, que é dona ou aluga a sala comercial.

Prédios Comerciais

Por outro lado, o prédio comercial é ideal para pequenas e microempresas, startups, além dos profissionais autônomos. É composto por salas comerciais que podem ser alugadas ou compradas e ideal para quem não precisa de muito espaço para exercer sua atividade empresarial.

Também pode ser um prédio misto, em que parte seja comercial e parte residencial. Nesse tipo de imóvel é onde pode ser possível aplicar a alternativa do andar corporativo e destinar todo o andar de um prédio comercial a atender a demanda de um único negócio.

Permite tanto que atividades que não recebem muitos clientes no local quanto aquelas que têm uma alta demanda possam ser exercidas no espaço. Se haverá bastante visitação de clientes é interessante escolher um prédio comercial com uma boa localização.

O prédio como um todo é ocupado por diferentes empresas e profissionais, cada um tendo sua sala ou andar corporativo sob sua responsabilidade. Todas as despesas prediais são divididas com as outras salas, no entanto, no caso de se desejar fazer alguma reforma interna é preciso pedir a autorização de todos os proprietários. 

Vantagens e desvantagens de trabalhar e morar no mesmo prédio

Agora que falamos da diferença entre prédios comerciais e corporativos, sabemos que é possível que um prédio comercial exista em conjunto com um prédio residencial. São os chamados edifícios mistos. Sendo assim é comum pensar que talvez valha a pena residir no mesmo local, tendo seu apartamento na parte residencial e a sala comercial alugada na parte comercial do prédio. Mas será que essa ideia é realmente vantajosa? Vamos mostrar algumas vantagens e desvantagens dessa escolha:

Vantagens

A maior vantagem de morar e trabalhar no mesmo prédio com certeza está em relação a trabalhar a poucos metros da sua casa. O dono do negócio se encontra a alguns passos de sua empresa e não precisa gastar tempo – e dinheiro – com o deslocamento até seu local de trabalho.

O que permite algumas vantagens como acordar mais tarde para ir até sua sala comercial. Além disso conta com vários serviços nas proximidades, facilitando muitas vezes seu dia a dia – tanto pessoal quanto de trabalho.

Desvantagens

Quanto as desvantagens há a questão de se ter menos privacidade, afinal há um maior fluxo de pessoas em um prédio misto (comercial e residencial). É preciso lidar tanto com moradores quanto com pessoas que estão indo para seu local de trabalho ou são clientes de alguma sala comercial.

Outra desvantagem é não conseguir relaxar, por estar sempre próximo ao trabalho. Da mesma forma, a atividade comercial pode incomodar quando se está em casa e contrário também é válido, a parte residencial do prédio pode vir a incomodar a sua empresa.

A principal desvantagem está em relação aos custos prediais. Enquanto que há uma redução com gastos de deslocamento, o custo de manutenção do condomínio, água e luz podem ser mais altos. Sem contar que nesse caso é preciso um zelador que entenda um pouco mais de informática e consiga orientar a todos que passam pelo local, já que permitirá o acesso tanto de moradores quanto de trabalhadores e visitantes da parte comercial.

Os riscos de investir em salas comerciais

Quem está em busca de salas comerciais geralmente opta por alugar o espaço. Como uma questão de segurança, pensando apenas no curto prazo, já que se tratam de pequenas empresas ou profissionais autônomos. Geralmente são pessoas que estão começando o próprio negócio e querem ter uma sede empresarial. A ideia é ter liberdade para se mudar a qualquer momento para um espaço maior, sem ficar preso ou perder dinheiro.

Geralmente essa decisão é motivada por medo de mudanças bruscas no público atendido pelo prédio comercial, mudanças no bairro em que está localizado e até mesmo questões como um crescimento no número de funcionários que vá além do esperado.

A verdade é que os grandes riscos estão: na questão de não utilizar as salas comerciais por muito tempo – e assim acabar perdendo dinheiro – e nos imóveis localizados em ruas setorizadas, que podem sofrer com uma mudança de público e até mesmo com crises de setor.

Ainda assim, o ideal é ver o investimento em salas comerciais como algo de longo prazo. O retorno virá ao longo do tempo. Para se prevenir contra os riscos é interessante escolher boas localizações na cidade, estudar o histórico do bairro escolhido, entender se é uma zona mais comercial ou residencial.

Além disso, apostar em prédios comerciais que permitam comprar ou alugar outros espaços. Caso a empresa cresça e precise de mais espaço é possível então comprar ou alugar a sala ao lado e até mesmo dar início a um andar corporativo.

Analisar questões como custos de condomínio e manutenção e conhecer o quanto o imóvel realmente vale também são alternativas que ajudam a fugir dos riscos de investir em salas comerciais. Ao final será possível perceber que foi feito um investimento e não apenas um gasto.

Como financiar uma sala comercial?

Há motivos para que o aluguel seja visto como uma primeira opção por quem quer começar um pequeno ou médio negócio e para isso está em busca de um espaço comercial. Tenha em mente que comprar uma sala comercial exige ter um bom caixa em mãos. É por isso que ressaltamos que é preciso ver essa compra como um investimento. O fato é que nem sempre é possível ter todo o dinheiro necessário para adquirir o espaço.

Mas isso não é desculpa para desistir desse investimento. Há então a opção de financiar uma sala comercial, com a vantagem de que será possível pagar o valor do financiamento como se estivesse pagando uma taxa de aluguel, com a diferença de que em algum momento esse valor será quitado. 

Praticamente todas as instituições financeiras trabalham com o financiamento de imóveis comerciais e é possível recorrer a uma delas. A Caixa Econômica, no entanto, costuma ser mais procurada por oferecer opções mais vantajosas de pagamento. O melhor é que não é preciso ter CNPJ logo de cara. Pessoas físicas também podem financiar uma sala comercial. Vamos explicar como é possível fazer esse financiamento:

- Ter mais de 18 anos, ser emancipado e ter no máximo 80 anos e 6 meses ao término da última prestação do financiamento.
- Possuir capacidade de pagamento e idoneidade cadastral.
- Saber o valor exato do imóvel que deseja comprar. Inclua um valor a mais caso seja preciso investir em reformas.
- Entrega da documentação solicitada para a instituição financeira. 
- Aguarde da análise da documentação.
- É feita uma avaliação do valor do imóvel pelo banco.
- Entrega da documentação do imóvel para análise.

Se tudo correr bem é possível então financiar uma sala comercial. Quanto ao pagamento do financiamento as instituições financeiras trabalham com o chamado curto prazo, no qual o valor total é dividido em 72 parcelas, ou em um prazo maior, de até 120 prestações mensais.

Comprar sala comercial: Dicas para fazer o melhor negócio!

Pronto para comprar sala comercial? Vamos mostrar as melhores dicas para que sua escolha seja certeira:

Leve em conta a localização

Se há algo que ficou claro é que a localização é muito importante na hora de comprar sala comercial. O bairro precisa ser bem localizado e ideal para o comércio, sem contar questões como o público-alvo do seu negócio. A infraestrutura é importante não apenas para o seu negócio e funcionários como também para os seus clientes.

Verifique as condições da sala comercial

Visite o imóvel e conheça o espaço que pretende comprar. Pense que o barato pode sair caro caso seja preciso realizar muitas reformas. Sendo assim, verifique as condições da sala comercial antes de decidir assinar o contrato e fechar negócio.

Avalie o espaço da sala comercial

Procure conhecer o espaço disponível na sala comercial. Mesmo após verificar a planta ou ter acesso a metragem descrita em papel, visite o local e avalie o espaço. Dependendo de como a metragem é distribuída, talvez não se adeque ao que sua empresa precisa.

Verifique a questão de transporte e locomoção

Tenha em mente que tanto funcionários quanto clientes precisarão chegar até sua empresa, o que significa que é preciso que esteja próxima a vagas para estacionar – particulares ou na rua – e do transporte coletivo. O sucesso do seu negócio está relacionado a como as pessoas chegam até ele. Novamente a importância da localização ao comprar sala comercial.

Conheça as questões de condomínio

Procure conhecer tudo relacionado ao condomínio. O que está incluso no valor e também benefícios que são oferecidos às salas comerciais. Limpeza, manutenção e segurança são critérios que devem ser observados com atenção.

Cuide com as questões legais

A documentação e tudo relacionado a sala comercial precisa estar em dia para que não surjam problemas posteriores que resultem em gastos maiores. Peça a matricula do imóvel junto a prefeitura e verifique se não há nenhuma pendência. 

Não tenha pressa

Comprar uma sala comercial
exige paciência. Pense que é um espaço no qual sua empresa permanecerá por um longo tempo. A pressa nesse caso pode fazer com que se caia em armadilhas. Conheça vários imóveis que lhe agradam, faça visitas, tire dúvidas e avalie prós e contras de cada uma das opções selecionadas.

Continue navegando no Chaves na Mão e confira as melhores ofertas de casas comerciais à venda em Curitiba!

Curitiba/PR
Conj. Comercial / Sala
  • Página 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Publicidade
Carregando página

Tem certeza que deseja remover este anúncio dos favoritos?

Remover cancelar
Quantidade max. atingida!03

Favorite mais anúncio e salve para ver quando quiser entrando em sua conta!

Entrar na conta Cadastrar