Volkswagen Fusca: os filhos automotivos com seus pais

    A idade não importa, o tamanho muito menos. O Fusca é e sempre será a referência para os seus filhos automotivos.

    Chaves na MãoPor : Chaves na Mão4 anos atrás

    A idade não importa, o tamanho muito menos.

    O Fusca é e sempre será a referência para os seus filhos automotivos.

    Seguindo a genética, o novo Fusca segue alguns traços do pai que foram capazes até de perpetuar esta família da Volkswagen.

    Foto: divulgação

    Para comemorar o dia dos pais, nada melhor do que conhecer um pouco mais a história do pai automotivo mais querido do mercado. Confira!

    Alguns até consideram um projeto arcaico, porém muitos julgam como um projeto eterno que foi feito para durar!

    O “Beetle” foi nomeado Volkswagen, que provém do idioma alemão e significa “Carro do Povo”.

    Após um período tornou-se “Volkswagen Sedan“, e depois acabou sendo nomeado aqui no Brasil como “Fusca”.

    Foto: divulgação

    A história do clássico começa com Ferdinand Porsche quando inicia a produção de seu primeiro carro, um Volkswagen Fusca, no dia 22 de junho de 1934.

    Mal imaginava que seria um dos modelos de maior sucesso no mundo!

    Depois de passar por vários testes e inúmeros protótipos, o Fusca começou a ser produzido em série na cidade de Wolfsburg, no ano de 1938.

    Ao começar a Segunda Guerra Mundial, o Fusca foi aprimorado e usado para transporte militar.

    Por esse motivo, o VW acabou se desenvolvendo.

    Foto: Volkswagen/divulgação

    Ao final da Guerra, no ano de 1945, o modelo ganhou novas alterações e começou a fazer sucesso pelo mundo todo!

    Cerca de 21.5 milhões de exemplares foram produzidos até o ano de 2003, onde deixou de ser montado no México.

    Ao redor do mundo, o VW Fusca recebeu diferentes nomes, como: Käfer, na Alemanha e Maggiolino, na Itália.

    Foto: divulgação

    Confira as melhores ofertas do Volkswagen Fusca usado à venda.