Conheça o Centro de Florianópolis

    Conheça o guia completo do centro de Florianópolis, tudo que você pode encontrar em relação a transporte, escolas, gastronomia, serviços e muito mais!

    Chaves na MãoPor : Chaves na Mão5 meses atrás

    Durante a escolha da residência, existe um critério que se destaca: o bairro ideal! Afinal de contas, essa região será determinante na qualidade de vida e otimização do seu tempo. Por isso, elaboramos este artigo para apresentar o Centro de Florianópolis!

    Essa é uma tradição do blog Chaves na Mão, que conta com uma variedade de posts dedicados a ajudar você nessa decisão. Sendo assim, reunimos as principais informações aos leitores que cogitam se mudar para a Ilha da Magia. Acompanhe!

    O Centro de Florianópolis

    Trata-se do bairro mais intimamente ligado ao passado da capital catarinense. Acompanhe!

    História de Florianópolis

    Florianópolis foi fundada em março de 1673, precisamente no bairro central. A primeira construção a ganhar corpo foi uma capela que, atualmente, é a Catedral da cidade.

    A ilha ganhou destaque comercial com a construção do Mercado Público que, embora demolido em 1896, foi reconstruído logo em 1898, mantendo sua configuração histórica até hoje.

    O cartão postal da cidade, a ponte Hercílio Luz, teve sua construção iniciada em 1920, sendo inaugurada em 1926. Assim, a ilha ganhava uma alternativa ao acesso marítimo. Tudo isso faz parte da estética do bairro central.

    Localização

    Apesar de ser conhecida como uma ilha, Florianópolis também engloba uma seção continental. Assim, o bairro central não está precisamente no centro geográfico, mas na ponta oeste da ilha, conectando-se com a região continental e metropolitana por meio de pontes.

    Portanto, listamos algumas vias para o acesso ao Centro da ilha. Para aqueles que vêm da região:

    • continental, pega-se a ponte Pedro Ivo Campos;
    • norte e leste da ilha, pega-se a Av. Beira Mar Norte;
    • sul da ilha, pega-se a Rodovia Governador Aderbal Ramos da Silva.

    Vale lembrar que, para quem está no leste da ilha, ainda existe a possibilidade de “cruzar a cidade” ao meio, pelos sinuosos caminhos iniciados no bairro Trindade. No entanto, avisamos: Florianópolis tem uma topografia muito irregular! A ilha é repleta de morros, montes e afins, fazendo com que esses atalhos sejam eventualmente perigosos aos condutores sem experiência em trechos íngremes.

    Transporte de Florianópolis

    A ilha conta com uma única opção de transporte público, os ônibus da empresa Consórcio Fênix. As tarifas podem variar um pouco entre algumas linhas, mas estão sempre entre as mais caras do país.

    Como exemplo, veja o custo atualizado de duas linhas de alta movimentação, que partem do TICEN, o Terminal de Integração do Centro:

    Apesar disso, a SETUF disponibiliza programas de benefício estudantil, garantindo meia-passagem aos estudantes cadastrados. Ainda assim, voltamos à questão central do transporte público na cidade, que remete à sua eficiência.

    Infelizmente, a cidade sofre pela falta de um planejamento de mobilidade urbana, não estando apta para lidar com o estouro populacional, o que gera longos congestionamentos, sobretudo na região central.

    Para os adeptos de um estilo de vida mais atlético, o bairro oferece ampla disponibilidade de aluguel de bicicletas e patinetes elétricos, além de uma extensa malha de ciclovias para a segurança dos usuários.

    Segurança em Florianópolis

    Tratando-se de segurança pública, Florianópolis segue a convencionalidade das cidades catarinenses, apresentando quedas nos indicadores criminais. Apesar disso, o Centro, embora impecavelmente limpo e organizado, tem evidenciado uma característica de cidades maiores.

    Tal como ocorre em Curitiba e Porto Alegre, há uma concentração de pessoas em situação de vulnerabilidade social. No entanto, a visibilidade dessas pessoas é um pouco diferente.

    Enquanto no Centro Histórico de Porto Alegre os moradores de rua estão presentes durante todas as horas do dia, em Florianópolis essa situação só é perceptível ao cair da noite. É possível que o fato de ser uma cidade litorânea estimule a movimentação, ressaltando a necessidade de abrigo apenas ao escurecer.

    Cultura

    Agora, podemos elencar as melhores opções de entretenimento cultural aos futuros moradores. Para os amantes da história, recomendamos:

    Lazer na Ilha

    Florianópolis equilibra uma demografia bastante eclética, por isso o centro da cidade contempla soluções para o lazer infantil, familiar, adulto e jovem, em que recomendamos:

    Vida noturna em Floripa

    Naturalmente, a vida noturna de Florianópolis é agitada, em razão da população diversificada. Para os moradores do Centro, existem várias boas opções, sem demandar que você saia do bairro. Nossas recomendações são:

    Gastronomia

    Florianópolis encara o seu papel de cidade catarinense mais cosmopolita, rivalizando apenas com a badalada Balneário Camboriú. Pensando nisso, reunimos os principais estabelecimentos gastronômicos do centro da cidade que merecem a sua atenção. Recomendamos:

    Educação

    Uma preocupação recorrente dos nossos leitores é com a escolaridade de seus filhos. Para estes, é feliz o fato de que Florianópolis tem um leque variado de oferta de bons colégios, sobretudo para quem mora no Centro. Neste bairro, as principais opções são:

    Vale destacar que os principais polos universitários não estão no Centro. Sendo a capital, Florianópolis sedia duas das principais universidades do sul do país, a UFSC e a UDESC. No entanto, elas estão localizadas no leste da ilha, em bairros mais universitários, como o Trindade e o Itacorubi.

    Saúde

    Outro fator fundamental à manutenção da qualidade de vida é a disponibilidade de serviços da área da saúde aos habitantes. Morando no Centro, essa não será uma preocupação, considerando a proximidade de unidades, como:

    Economia

    Turismo, serviços e tecnologia. Essa é a tríade de segmentos que aquece a economia da ilha catarinense. Portanto, empreendimentos nesses três setores contam com boa receptividade do público consumidor. O mesmo vale para empregabilidade, em que esses são os principais segmentos contratantes.

    Comércio

    O Centro de Florianópolis respira o comércio, sendo a área com a maior densidade de comerciantes e empreendimentos comerciais. Além do Mercado Público, as praças e vielas são tomadas pelo comércio de rua, além de um amplo camelódromo. Apenas no Centro existem mais de cinco shoppings, com destaque para o Beira-Mar e a região conta também com um grande número de galerias.

    Como você pôde ver, o Centro de Florianópolis condensa todas as características positivas da ilha, sendo uma excelente opção de moradia, para as famílias, jovens e idosos.

    Agora que você conhece melhor o Centro de Florianópolis, confira o guia completo da cidade de Florianópolis.

    Relacionadas

    Encontre o imóvel ideal para comprar ou alugar com várias ofertas.