Saiba como escolher a poltrona certa para combinar com você e com sua casa nova

    Chaves na MãoPor : Chaves na Mão3 horas atrás

    Depois de um longo e cansativo dia de trabalho, nada melhor do que entrar em sua casa e descansar. E se tem um local onde é possível fazer isto muito bem é na poltrona

    Aliás, este móvel é sinônimo de conforto e também de requinte, de elegância. Sua história já tem séculos – sendo que para algumas culturas ela é relacionada a um conceito de superioridade. Por isto, deve estar na lista de peças para a sua casa.

    Mauricio Karam

    Um pouco sobre a importância das poltronas para a decoração de interiores

    Móveis, de um modo geral, são capazes de trazer mais estilo aos ambientes. E dentro desta lista destacam-se as poltronas. De fato, elas têm muita importância para a elaboração de layouts de cômodos como salas, quartos, varandas e mais. 

    Em tese, podem ser usadas em todos os setores da casa, preenchendo espaços e, às vezes, até mesmo ganhando papel de destaque nas decorações.

    O foco do uso das poltronas em interiores é, de fato, oferecer um local a mais de descanso para as pessoas. Porém, peças assim também podem configurar zonas funcionais específicas dentro de ambientes – como um canto de leitura. 

    Fazer complemento a outros móveis. Ou só dar um toque a mais de charme à composição. Ou seja, sua presença nos cenários é sempre muito benéfica.

    Por todas estas razões que foram anteriormente expostas, chega-se à conclusão de que há duas maneiras de empregar poltronas em interiores. A primeira delas é escolher uma peça neutra, harmonizando-a com o todo, sem colocá-la em destaque. Ou, segunda, escolher uma peça chamativa – com design diferente e em cores vibrantes – para causar uma verdadeira revolução visual na decoração de um ambiente.

    Marília Veiga e Denise Barretto

    Sobre os modelos de poltronas que se tem disponível no mercado

    Antes de falar sobre o tipo de poltrona ideal para cada ambiente ou pessoa, é importante ressaltar que há inúmeras versões de poltronas já desenhadas por designers. Existem as poltronas comuns, sem muitos detalhes relevantes; as poltronas comuns estilosas; e também as poltronas famosas. Por que famosas? Porque foram assinadas por grandes artistas, profissionais renomados.

    São exemplos de poltronas famosas para o design de interiores as seguintes poltronas: copacabana, barcelona, Le Corbusier, Luis Ghost, mole, DKR, Eames, Saarinen, Eiffel, tulipa, egg, swan, e lua.

    Deborah Basso Mauricio Karam

    Como escolher uma poltrona visando combinar com a casa

    Se a casa da pessoa está toda equipada, então é mais fácil ela escolher uma poltrona com base naquilo que pensa que possa combinar com a decoração existente. Este pode não ser o melhor caminho, mas, por certo, é aquele menos passível de erros. 

    Porém, de todo modo, é sempre bom definir um jeito de escolher a poltrona ideal.  Talvez pela mais decorativa? A mais funcional? Tudo vai depender.

    Pode-se escolher um tipo de poltrona nas lojas de acordo pelo material de fabricação – se o modelo será durável e resistente, por exemplo. Todos estes detalhes são mesmo muito importantes. 

    Porém, é preciso observar também se a peça vá atender às dimensões da sala. Qual a sua usabilidade. E se as suas texturas, cores e estampas vão combinar com o restante da decoração.

    Então, resumindo, a poltrona ideal para a casa tem que ter boa qualidade e bom design. Para salas de estar, recomenda-se uma poltrona mais firme, ou seja, menos “mole”. Para salas de jantar uma sofisticada e elegante poltrona alta e sem braço. 

    Para salas íntimas uma poltrona reclinável. E para cantos da leitura uma poltrona que seja extremamente bem ergonômica, adaptando-se melhor à coluna da pessoa.

    Rodrigo Maia e Luis Fabio Rezende de AraujoMichel Safatle e Tenório

    Como escolher uma poltrona visando combinar com você

    A poltrona ideal pode combinar com a decoração já pré-existente no imóvel, mas, acima de tudo, precisa atender as necessidades de seu usuário. Ergonomia e conforto, certamente, precisam ir para o topo da sua lista de exigências. 

    O móvel escolhido por você precisa oferecer uma postura correta e um assento devidamente firme ou macio, do contrário deverá ser descartado da lista de compras.

    Se a poltrona vista numa determinada loja não parece ser confortável é porque não deve ser mesmo. Sentada em tal móvel, a pessoa precisa se sentir em posição de equilíbrio. Ela não pode sentir dores em parte alguma de seu corpo ao longo de poucos minutos. 

    É inaceitável conviver com uma peça que não ofereça comodidade apenas porque ela é estilosa. Não tem que ser uma coisa ou outra, mas os dois.

    Agora, falando especificamente da estética, este critério é bastante utilizado pelas pessoas para definir o modelo de poltrona ideal. E, dentro desta questão, existem muitos itens a serem observados. 

    Há poltronas em metal, madeira, plástico e mais. Poltronas encapadas com veludo, chenille e em outros tecidos. Poltronas lisas e estampadas. E poltronas em cores neutras e coloridas.

    RBP Arquitetura e Interiores e Luis Fabio Rezende de Araujo

    E por falar em tonalidades de cor, poltronas neutras caracterizam-se por serem sóbrias e elegantes e combinam bem com decorações tradicionais e clássicas. 

    Mas, claro, estas mesmas poltronas também podem ajudar a compor cenários despretensiosos – afinal, o critério mais importante é o conforto. Já as coloridas “casam” mais com decorações modernas. A única regra é criar harmonia.

    Danyela Corrêa e Amis Arquitetura & Design

    Agora, tome uma decisão e escolha um modelo de poltrona perfeito para você e para a sua casa.

    Essas dicas de como escolher a poltrona certa para começar a decoração de casa foram criadas pela equipe Viva Decora.